Quotation of the Day

Monday, March 26, 2012

Para sempre.

Os meus lábios secaram, e juntamente com eles o meu coração parou. Os meus olhos fixaram o nada, o meu nariz deixou de exercer as suas funções: não sentia ar a entrar. Os meus ouvidos eram os únicos que ainda tinham alguma actividade ouvindo ao longe alguém a chamar por mim. O meu cérebro continuava a trabalhar e obrigava-me a fazer interligações entre tudo: presente, passado, futuro, o que sou, o que os outros são, realidades, sonhos...
Aos poucos e poucos, depois do choque, a realidade voltava. E eras tu que estavas à minha frente. Toquei-te para ver se eras real. Eras. Abracei-te e senti uma felicidade indescritível. Fechava os olhos e abria e tu continuavas lá, tu inteiro, a tua voz a dirigir-se a mim, os teus braços a segurarem o meu corpo, tu e tudo o que é teu ali. 
Então, de corpo e alma, segredaste aos meus ouvidos: É para sempre.  

Queria ter reagido, ter dito alguma coisa, no entanto fiquei quieta à espera de acordar de um sonho. Apercebendo-me que era tudo real houve qualquer coisa no meu corpo que mudou: o meu coração palpitava a 100 à hora e cada vez mais rápido… 
Com o sorriso mais sincero que alguma vez tinha feito ia agradecer-te por existires, quando de repente a escuridão devorou-me por inteira. Desmaiei.   

Acordei no outro dia no hospital, tinha tido um ataque cardíaco. Vi-te a meu lado e foi como nada tivesse acontecido. Agarrei-te a mão e disse para mim mesma: É para sempre.
 Quando o médico veio para me explicar o que tinha acontecido eu já sabia, não precisava de explicações. O meu coração tinha renascido, tinha-me sido dada uma nova vida. De repente tudo me fazia sentido, mesmo o não sentido do sentido.
A felicidade, essa, que tantas vezes tinha sido uma ilusão era agora algo límpido, claro, irrefutável e puro.
Sem ses e sem dúvidas sabia que esta tinha sido a simplicidade que sempre tinha procurado. Já não via conceitos, palavras, materiais, realidades... O que via agora era todo o significado que estava por detrás de tudo isso... 

Olhei para os teus olhos e vi-me reflectida neles, senti que tu olhavas para dentro de mim, dentro da minha essência, para o que realmente sou...
(É esse o exacto significado de pureza e de vida que lutamos uma vida inteira para encontrar.)

No comments:

Ajudar não é difícil!

Share food, change lives

Black Pixel

Total Pageviews

Shelfari, os livros que já li =)

Followers

There was an error in this gadget

=D

=D

Obrigada Kuka ^^

Obrigada Diana! =D

Obrigada Diana! =D

Blogs

About Me

My photo
"...o meu coração é uma floresta cheia de nevoeiro - guarda tudo e não encontra nada. Sou uma recordadora profissional. Vivo de recordações, mesmo daquilo que ainda não fiz.E repito infinitamente os mesmos truques. Iludo-me. Penso sempre que amanhã é que vai ser. Desenvolvi um erotismo futurista: deleito me com o puro prazer dos meus sonhos.De certa maneira, já vivi tudo, porque em sonhos consigo projectar-me inteira nos corpos, nos sentimentos e nas experiências dos outros. Tenho uma capacidade estereofónica; posso ter ao mesmo tempo cem e dezoito anos. O que é um cansaço..." IP