Quotation of the Day

Sunday, December 23, 2007

Peões em jogo!

*"If you don't stand for something.
You migth fall for anything. "
Ontem fui ver um filme cujo título está escrito em cima e só tenho a dizer GRANDE FILME, apesar de ter sido bastante pequeno em termos de duração.
O objectivo do filme era por-nos a pensar e posso dizer-vos k a mim meteu mesmo.
O filme falava principalmente da ignorância em k vivemos hoje em dia.
Os alunos não querem estudar, dá muito trabalho, mas esquecem se k se não estudarem o futuro será cheio de maus profissionais e quem paga somos nós pk akilo k gostamos de ter (um bom atendimento em todas as lojas, empresas,etc) é tudo o k não teremos.
O filme falava tbm no k quase todas as pessoas querem fazer na vida, casar, ter filhos, ter um emprego ou seja ter uma vida normal, nunca ninguém pensa k poderá alguma vez mudar o mundo em k vivemos, as pessoas confortam-se com o normal e nem ser quer se lembram k "we can make a difference"!
Claro k muitas vezes demora tempo mas, se achar mos k algo está mal feito em algum sítio devemos protestar e tentar melhorar, mais vale tentar e falhar do k nem se quer tentar.

Aconselho vos em irem ver o filme.
Pode ser k tbm vos faça pensar.



Wednesday, December 19, 2007

Alterações climáticas


" Já ninguém duvida de que se passa alguma coisa com a Terra. A temperatura sobe e as pertubações climatéricas sucedem-se. A tundra siberiana da Rússia desaperece e tranforma-se numa fértil pradaria. A floresta amazónica encolhe e pensa-se que no ano 2100 poderá ter-se tornado savana. O deserto do Sahara continua a crescer, alimentado por secas intensas. Do outro lado do mundo, na Austrália, a falta de água (a mais grave da história do país) ameaça muitas espécies animais, sobretudo os camelos. Os glaciares dos Himalaias derretem irremediavelmente e os especialistas alertam que o degelo poderá provocar inundações na Índia e no Bangladesh, seguidas de secas brutais. (...) O pior deste panorama desolador, muito mais assustador do que qualquer enredo de um filme-catástrofe, é que isto não é tudo. Pelo contrário, é apenas o principio.


As nossas acções têm um custo ambiental. Para onde quer que olhemos, tudo o que nos rodeia requer energia para existir e/ou funcionar, desde o carro que usamos para ir para o trabalho/escola até à bebida que tomamos ao pequeno-alomoço, mesmo que não seja refrigerada. Esta exigência energética gera emissões de CO2 e de outros gases de efeito de estufa, pelo que é necessário limitar os consumos.
Individualmente, podemos fazer muito mais do que pensamos.
Temos ao nosso alcance muitas possibilidades de lutar contra o aquecimento do planeta. (...)


9 ideias para deter as mudanças climatéricas!


1 - Substitua as lâmpadas incandescentes por outras de baixo consumo

2- Evite os pré-cozinhados (cozinhar até é giro xD)

3- Use electrodomésticos A++

4- Não abra o frigorífico muitas vezes

5- Não deixe nenhum aparelho em stand by

6- Partilhe o seu carro

7- Use transportes públicos sempre que possa

8- Compre produtos nacionais ( pk se é nacional é bom xD)

9 - Separe e recicle"
Texto tirado da revista Super Interessante, para variar xD


Agora só se fala nisto mas, tem de ser. Se não começarmos a fazer algo agora, o mundo vai se tornar um sítio muito desagradável para se viver.






Monday, December 3, 2007

Obrigada Vento!

Procurei por um sítio agradável.
Onde não tivesse muito frio.
Avistei um banco ao sol.
Nem pensei 2 vezes.
Parei e sentei-me.
Só mesmo porque não ia ficar em pé.
E comecei a pensar.
Pensei em tudo.
Pensei no futuro.
No passado, no presente.
Pensei no que fiz nestes 15 anos.
E no que deixei por fazer.
Nos meus desejos.
E nos meus sonhos.

Depois.
Comecei a tomar atenção ao silêncio dos sons da Natureza.
Silêncio, pois tantas vezes chama-mos silêncio quando não ouvimos ou mal ouvimos o insistente som das vozes humanas.
Comecei a tomar atenção ao som das folhas provocado pelo vento.
Via-as a mexerem-se no chão como se fossem objectos animados.
Como se tivessem vida.
Incrível o que o vento pode fazer.
Estava com frio, mas respirei fundo e deixei-me ir pela magia do vento.
Nunca lhe tinha dado tanta atenção.
Ele salvou-me da solidão e fez-me companhia.
Uma companhia muito mais agradável que muitas que eu já tive.

Desejei ter uma folha de papel comigo para poder escrever tudo o que estava a sentir/pensar naquele momento.
Mas não tinha.
Valeu-me a memória.
Nesse instante ou noutro, na verdade não interessa.
Duas estranhas pessoas começaram a andar na minha direcção.
E aí pensei.
Agora que estava tão bem sozinha.
Sim, porque que eu saiba o vento ainda não é considerado um ser.
Ainda.

Ajudar não é difícil!

Share food, change lives

Black Pixel

Total Pageviews

Shelfari, os livros que já li =)

Followers

There was an error in this gadget

=D

=D

Obrigada Kuka ^^

Obrigada Diana! =D

Obrigada Diana! =D

Blogs

About Me

My photo
"...o meu coração é uma floresta cheia de nevoeiro - guarda tudo e não encontra nada. Sou uma recordadora profissional. Vivo de recordações, mesmo daquilo que ainda não fiz.E repito infinitamente os mesmos truques. Iludo-me. Penso sempre que amanhã é que vai ser. Desenvolvi um erotismo futurista: deleito me com o puro prazer dos meus sonhos.De certa maneira, já vivi tudo, porque em sonhos consigo projectar-me inteira nos corpos, nos sentimentos e nas experiências dos outros. Tenho uma capacidade estereofónica; posso ter ao mesmo tempo cem e dezoito anos. O que é um cansaço..." IP